Esses são os 10 títulos mais assistidos no Disney+ em Agosto

Atualizado em 24/10/2020

A empresa nova iorquina 7Park, especialista em análise de dados e indicadores de desempenho, levantou informações interessantes sobre a audiência e comportamento dos usuários no Disney+ durante os 3 primeiros dias do mês de Agosto.

Uma das informações que chama a atenção é a posição de “Black is King” em relação a outros títulos do catálogo do Disney+. Durante o período em análise, que são exatamente os 3 dias após sua estreia, o filme escrito, dirigido e produzido pela cantora Beyoncé atingiu a modesta 13ª posição no quesito “tempo médio gasto na plataforma Disney+”. Na média, os usuários dedicaram apenas 2,2% de seu tempo ao filme “Black Is King”.

top-Disney-Plus-tempo-gasto-1024x401 Esses são os 10 títulos mais assistidos no Disney+ em Agosto
Títulos por proporção de temo filmepo gasto | Fonte: 7Park

Na outra ponta está Hamilton. O sucesso da Broadway estreou no streaming da Disney no dia 03 de julho, mas continua em 1º lugar quando o assunto é tempo gasto no Disney+. Na média geral, o tempo dedicado pelos assinantes a “Hamilton” corresponde a 22,76% do total em que estiveram com o app aberto (ou navegador, no caso dos computadores).

Ainda de acordo com os dados divulgados, os filmes e séries que atingiram o topo, em termos de audiência, são:
• 1º – “Os Incríveis 2”
• 2º – “Frozen 2”
• 3º – “Muppets Now”
• 4º – “Hamilton”
• 5º – “Frozen”
• 6º – “Os Simpsons”
• 7º – “Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica (Onward)”
• 8º – “Star Wars: A Ascensão Skywalker”
• 9º – “101 Dálmatas”
• 10º “Black Is King”

top-Disney-Plus-1024x390 Esses são os 10 títulos mais assistidos no Disney+ em Agosto
Títulos por audiência | Fonte: 7Park

Vimos recentemente que a Disney pretende lançar outros musicais adaptados para o Disney+ e o sucesso de “Hamilton” certamente tem influência nessa estratégia. “Once On This Island” é um desses musicais. Ainda sem data prevista de estreia, o espetáculo, que conta com um formato interessante de interação com o público (veja aqui), tem em comum com “Hamilton” o histórico de sucesso na Broadway e nos palcos de Londres. Na mesma linha encontra-se o musical “Aladdin: Live from The West End“, que deve estrear ainda esse ano no Disney+.

Leia também: O Disney Plus pode afetar o futuro da Broadway?

“Mulan”, adiado tantas e tantas vezes, vai finalmente estrear no dia 04 de setembro no streaming da Disney e promete sacudir esses números, pois era um dos maiores lançamentos previstos para o ano de 2020 nos cinemas. O filme vai ser lançado na plataforma no formato de aluguel, mediante o valor de US$ 29,99 (nos Estados Unidos), ou R$ 163,00 na cotação de hoje.

Se o aluguel de “Mulan” vai dar certo, ainda não se sabe. Mas se a fórmula funcionar, seguramente influenciará no lançamento de futuros filmes da Disney, considerando que nessa abordagem a empresa fica com 100% do lucro, ao invés de dividir os ganhos com as redes de cinema.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.