Johnny Depp cita ‘Aquaman’ como parte de sua defesa no processo contra Amber Heard


Amber-Heard-Aquaman Johnny Depp cita 'Aquaman' como parte de sua defesa no processo contra Amber Heard

Johnny Depp citou a escalação de Amber Heard em Aquaman como uma refutação contra as alegações de que ele proibia a atriz de conseguir trabalhos. Os dois astros estão em uma batalha judicial que já dura alguns anos e caminha para a sua etapa final com o julgamento acontecendo este mês no estado da Virgínia, Estados Unidos. O processo começou em 2018, após o artigo que Heard publicou no Washington Post relatando sua experiência com abuso doméstico.

Em uma nova leva de testemunhos de Depp, nesta segunda (25), o ator mencionou a escalação de Heard em 2016 como Mera em Liga da Justiça, de Zack Snyder, o que a levou a continuar o papel em Aquaman e sua sequência. O projeto foi citado como forma de dissipar as alegações de que ele era tão controlador em seu casamento a ponto de proibi-la de participar de reuniões com diretores de elenco.

Conforme relatado pela Unilad, houve conflito a respeito de mensagens de texto que os advogados de Heard acreditam comprovar o caráter controlador do ator.  “[Esta] não é necessariamente uma mensagem com raiva, é só que, por que você desviou do nosso acordo? Não é sobre ela fazer filmes. Como você acha que ela conseguiu Aquaman?”, ele disse, sugerindo ter conseguido o maior papel da carreira da atriz.

O advogado então questionou sobre a atitude de Depp no dia do compromisso de Heard com os produtores, dando a entender que ele não queria que ela comparecesse. O ator rebateu essa alegação afirmando que não se importava com isso, mas simplesmente tinha um problema com ela marcando uma reunião de trabalho quando os dois já haviam feito planos diferentes naquele dia.

O julgamento por difamação segue em andamento, embora Amber ainda não tenha se pronunciado. Em 2018, Depp processou a ex-esposa por difamação após um editorial publicado por ela no qual ela se referia a si mesma como uma figura pública que representava abuso doméstico.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 26/04/2022


11 comentários

Pular para o formulário de comentário

    • Maria Ribeiro em 27/04/2022 às 15:48
    • Responder

    Essa atriz é uma alpinista de fama ela ficou com Depp para subir na carreira. De vítima ela não tem nada. É uma golpista

  1. Quero ver se vão cancelar a atriz, como fizeram com o Jhonny. Em nem um minuto escutaram o que ele tinha a dizer, apenas cancelaram, pq a zinha aí se fez parecer a santinha. É aquilo que eu sempre digo, enquanto ouvirmos apenas a versão da chapeuzinho, o lobo sera sempre mal. Devíamos aprender a não julgar precipitadamente as pessoas. Mas muitos não estão preparados pra isso.

  2. Isso é louca de fazer merda na cama…

  3. Nesta geração homens já tem a juízo de valor antecipado antes que os fatos sejam apurados.

    O caso de John só evidência que mulheres podem destruí a vida de um inocente de uma forma cruel.

    Infelizmente está geração é canalha e vigarista, e homens que defendem mulheres antecipadamente não mereciam nascer como homens.

    • Regis Campos em 28/04/2022 às 13:03
    • Responder

    Muitos #ús vão trancar em Hollywood e em grande parte da grande imprensa falida quande Depp ganhar o processo. Os processos vão voar em maior quantidade que aqueles atingindo a Ucrânia.

  4. Chega a ser cômico vocês postando isso, logo está que cancelou o Johnny com dois dias de escândalo sem ao menos saber do seu lado.

  5. Acho isso uma palhaçada do cinema não quer mais chamar ele para fazer filmes… Isso é briga de casal, foda-se os dois para lá, eles que cheguem a acordo… São dois ótimos atores, mentalidade pequena desse povo que fica julgado o relacionamento deles com o trabalho.

    1. Sabes de uma coisa Paulo o que acontece é que a voz da mulher esta sendo muito valorizada eu sou mulher mas defendo que se deve peneirar o que ela diz e tambem a vitimização que diz ter sofrido porque pode acontecer penalizar se um homem que no final pode ser inocente. A Lei devia ser severa para ambos ate que se prove o contrario .

  6. E com tudo eu continuo pobre e eles rico.

    1. Somos 2

  7. Pq?

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.