Loki realmente amava Odin como pai, mas a Marvel escondeu isso muito bem


Loki-e-Odin-1024x576 Loki realmente amava Odin como pai, mas a Marvel escondeu isso muito bem

Os filmes da Marvel sempre trouxeram questões envolvendo relacionamentos entre pais e filhos. Tony Stark sempre teve questões envolvendo Howard, enquanto Gamora e Nebulosa claramente não podem afirmar que tiveram um pai presente em suas vidas. Enquanto muitos filhos não encontraram a figura paterna que desejavam, houve ainda quem quisesse qualquer tipo de atenção e amor de quem o criou.

Loki nunca foi uma pessoa muito carinhosa nos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel. A figura que conhecemos no seriado do Disney+ difere muito daquele homem vingativo de Vingadores, capaz de trazer um grande exército alienígena para a Terra. Loki sempre foi conhecido pelas trapaças e ilusões, mas recentemente também descobrimos que ele é capaz de amar. Em seu relacionamento com Sylvie, o Deus da Trapaça revelou carinho e preocupação com alguém que não fosse ele mesmo, algo que caracteriza ainda mais sua personalidade como ser humano.

Loki sempre buscou pelo amor de seu pai, Odin. O Pai de Todos nunca teve no filho adotivo o mesmo amor e orgulho que teve no Deus do Trovão. Thor claramente era o filho preferido, enquanto Loki precisou buscar todas as formas de provar seu valor. O que os fãs não tinham reparado até agora, porém, é que houve um momento nos filmes de Thor que comprovam o quanto Loki realmente amava Odin como pai e como ídolo.

Como diz a história, Loki foi adotado por Odin quando ainda era um bebê. Ele foi renegado pelos Gigantes de Gelo por ser muito pequeno, tendo sido mantido escondido pelo pai, Laufey, que tinha vergonha do filho. Como forma de se vingar, Loki cria uma guerra contra Jotunheim e sai vitorioso após matar aquele que lhe colocou no mundo. Indo morar em Asgard, Loki esperou que tivesse um pouco mais de reconhecimento, o que não aconteceu.

Prova de amor

Houve um momento nos filmes onde Loki deixou claro o quanto amava seu pai. Pouco tempo depois de descobrir ser adotado, Loki vê Odin dormir em um sono profundo, um estado de dormência que ele usava para se recuperar. Foi algo muito conveniente para um pai que queria fugir da conversa série com o filho, mas nada recomendável. Irritado, Loki consegue trazer Gigantes de Gelo para Asgard e minutos antes de Odin ser realmente morto, Loki mata o Gigante e prova onde sua lealdade está.

É claro que não podemos afirmar o caráter de Loki apenas por uma cena, mas quando conhecemos a figura apresentada na série do Disney+, tudo se encaixa. Loki sempre foi uma pessoa que buscou por amor e reconhecimento, mas como não teve, aprendeu a se virar sozinho. O que ninguém havia reparado, porém, era que o filho de Laufey realmente amava o homem que passou a ser seu pai.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos do streaming da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Via Screen Rant

Atualizado em 12/09/2021


Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.