Dave Bautista revela opinião sobre o processo de Scarlett Johansson


Drax-Despedida-Guardioes-da-Galaxia-1024x576 Dave Bautista revela opinião sobre o processo de Scarlett Johansson

Mais um capítulo envolvendo o polêmico processo de Scarlett Johansson contra a Disney. Desde que foi divulgado que a protagonista de Viúva Negra tinha entrado com um processo contra a Casa do Mickey, o público vem descobrindo novos lados da história. Scarlett acionou a Disney na justiça por ter lançado seu filme em streaming e não exclusivamente nos cinemas, o que prejudicaria seu salário. De acordo com estimativas, a atriz pode ter perdido algo em torno de 260 milhões de reais.

Os fãs da Marvel ficaram em choque com a notícia da  ação judicial, principalmente porque alguns ainda esperavam pelo possível retorno da atriz em algum momento do futuro. Kevin Feige, o presidente da Marvel Studios, escolheu seu lado e declarou total apoio a atriz. Mas ele não foi o único membro da Marvel a se pronunciar sobre o assunto. Dave Baustista, que viveu Drax no MCU, fez uma brincadeira em suas redes sociais, como uma forma de apaziguar um pouco a situação.

Dave Bautista escreveu em seu Twitter que os estúdios da Marvel deveriam ter dado um filme solo a Drax ao invés de Natasha, permitindo um destaque ainda maior para o alienígena “invisível”. O ator já anunciou, inclusive, que a despedida de seu personagem virá em Guardiões da Galáxia Vol. 3, pois é até onde seu contrato chega. Depois disso ele acredita que o personagem só irá continuar se for interpretado por uma outra pessoa. Bautista acredita já estar velho para ser um herói.

Dado que Johansson está envolvida no MCU há mais de uma década, foi uma grande surpresa para os fãs ver o conflito com a proprietária da Marvel Studios. A opinião do público foi dividida, pois enquanto muitos elogiaram o sucesso, houve quem revelasse que a atriz merecia uma despedida melhor.

O comentário de Bautista certamente despertará especulações entre os fãs sobre se ele está apoiando sua colega ou se está do lado da Disney a insinuar que não teria havido um processo judicial se eles tivessem feito um filme de Drax. Embora os cinemas estivessem operando perto da capacidade total quando Viúva Negra chegou, em 9 de julho, a Disney ainda ofereceu o título através do Premier Access, o mesmo que fez com filmes como Raya e o Último Dragão, Mulan, Cruella e, mais recentemente, Jungle Cruise.

Viúva Negra pode ter tido a melhor bilheteria de fim de semana de abertura desde o início da pandemia, mas a ação judicial de Johansson ressalta que seu contrato inicial era para ser um lançamento apenas cinematográfico e que sua estreia no Premier Access não compensou o que estava escrito no contrato”.

“A Disney induziu intencionalmente a Marvel a violar o acordo, sem justificativa, a fim de evitar que a Sra. Johansson realizasse o benefício total de seu acordo com a Marvel”, diz uma declaração dos representantes de Johansson.

O filme Viúva Negra será liberado sem custo no Disney+ em 25 de agosto.

Mais sobre Scarlett Johansson

Kevin Feige se junta a Scarlett Johansson sobre seu processo contra a Disney
Viúva Negra 2 deve acontecer, mas não terá Scarlett Johansson
Scarlett Johansson confessa que seu marido se recusou a ajudá-la com Viúva Negra
Ryan Reynolds Não Quer Contracenar com Scarlett Johansson no MCU

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos do streaming da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 01/08/2021


Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.