O que é Spin-off, Reboot, Remake, Sequel, Prequel, Crossover e Original

Atualizado em 24/10/2020

Spinf-off-remake-reboot-prequel-sequel-crossover-original-Disney-Plus-Brasil-1024x768 O que é Spin-off, Reboot, Remake, Sequel, Prequel, Crossover e Original

Para entender cada um desses termos, primeiro é necessário compreender o conceito de Franquia no universo dos filmes e séries.

No contexto cinematográfico, uma Franquia é uma coleção de filmes ou séries com várias obras derivadas produzidas a partir de uma produção original, que deu início ao tema ou história, e obteve grande sucesso. Alguns exemplos de Franquias bem conhecidas: Star Wars, A Era do Gelo, Indiana Jones, Toy Story, James Bond, Frozen, O Universo Cinematográfico Marvel, Batman e X-Men.

Em uma Franquia, a propriedade intelectual do título original pode ser licenciada pelo proprietário para outras partes ou parceiros para exploração comercial, dando origem assim a continuações, que podem ser um spin-off, reboot, remake, sequel, prequel ou crossover.

É difícil manter todos esses termos em inglês na ponta da língua, até porque muitas pessoas acabam usando-os de forma incorreta, causando mais confusão ainda. Para clarear o assunto, a lista a seguir traz a definição de todos os tipos de filmes de franquia, explicando qual termo é apropriado para cada categoria de filme.

Spin-off

Um filme ou série spin-off se aprofunda na história de algum papel secundário da obra original, tornando-o personagem principal da nova trama. Normalmente ocorre quando determinado personagem se torna muito popular a ponto de roubar a cena e despertar o interesse do público em saber mais sobre ele.

Um exemplo é a nova série para o Disney+ chamada Little Town. Trata-se de um spin-off de “A Bela e a Fera”, pois vai promover os personagens secundários Gastão e LeFou a protagonistas principais na nova produção.

Outro bom exemplo é a série “The Mandalorian“, spin-off derivado de Guerra nas Estrelas (Star Wars) e está entre os títulos mais assistidos de todo o catálogo do Disney+.

Reboot

Um reboot (reinicialização) é um filme que usa um novo universo do mesmo personagem principal. A história no reboot não tem nenhuma conexão com a anterior, portanto esse tipo de produção não se parece com o filme anterior. Um filme de reboot cria uma nova identidade. É o caso do novo “Esqueceram de Mim”, que terá nova vida no Disney+ com uma história totalmente diferente da original. Outro exemplo de reboot ocorre na franquia do Homem-Aranha, onde podemos fazer comparação entre três versões diferentes: o original com Tobey Maguire, o primeiro reboot com Andrew Garfield e o segundo reboot com Tom Holland.

Remake

Um remake (reconstrução) recria o filme com a mesma história e universo do filme anterior. Normalmente o remake é feito após um grande período desde o lançamento da primeira versão. O primeiro filme de Aladdin, por exemplo, foi lançado em 1992 e seu remake estreou em 2019. Outro exemplo é “A Branca de Neve e os Sete Anões”, cuja estreia aconteceu em 1937 e agora tem um remake sendo produzido pela Disney.

O objetivo de um estúdio ao criar um remake é, além de trazer de volta toda a importância do filme, recontar a mesma história utilizando as inovações tecnológicas desenvolvidas desde o lançamento da primeira versão.

Sequel (Sequência)

Uma sequel ou sequência é um filme ou série com uma história que continua a anterior. Geralmente possui um número no título, como 2 ou 3, indicando a ordem das sequências. O personagem principal ainda é o mesmo, mas as diferenças estão na trama. Como exemplo, temos o mega sucesso Frozen e Frozen 2, e a franquia Toy Story, com as sequências Toy Story 2, Toy Story 3 e Toy Story 4.

Prequel (Pré-sequência)

Uma prequel ou pré-sequência é um filme ou série que foi feita após o primeiro filme, mas a história contada se passa antes da história da obra original. Como na Sequel/Sequência, os personagens principais normalmente ainda são os mesmos, as diferenças estão no enredo. Um bom exemplo de pré-sequência é “Star Wars: Episódio I – A Ameaça Fantasma”, de 1999, que trata-se de um prequel de “Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jeti”, de 1983.

Crossover

O termo crossover é usado quando dois ou mais personagens de universos distintos se encontram e interagem entre si em um mesmo ambiente. Boa parte dos crossovers acontecem em histórias onde os personagens se unem para enfrentar uma ameaça ou até mesmo para se tornarem inimigos.

“WiFi Ralph: Quebrando a Internet” é um filme recheado de crossover. Nele aparecem nada menos que 14 princesas de outros filmes Disney: Branca de Neve, Cinderela, Aurora, Ariel, Bela, Jasmim, Pocahontas, Mulan, Tiana, Rapunzel, Mérida, Elsa, Anna e Moana.

Outro exemplo de crossover de personagens Disney pode ser visto no especial “Elena e o Segredo de Avalor”, em que a Princesa Sofia viaja a Avalor para salvar a Princesa Elena.

Original

Filmes e séries são classificados como Original quando são criados especificamente para um canal de mídia. Muitos filmes são exibidos pela primeira vez no cinemas e, quando não são mais ‘novos’, são exibidos na TV. Mas filmes e séries com a denominação Original Disney+ foram criados para o Disney+, pagos pelo Disney+ e exibidos pelo Disney+.

Exemplos recentes são “Black is King“, “Phineas e Ferb: Candace Contra o Universo”, “Muppets Now” e “The One and Only Ivan“.

O mesmo se aplica a outros serviços de streaming. Um filme produzido exclusivamente para a Netflix será chamado de Original Netflix.

Restou alguma dúvida? Deixe nos comentários!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.