Camille Vasquez, advogada de Jonny Depp, ganha uma grande promoção


Camille-Vasquez-Johnny-Depp Camille Vasquez, advogada de Jonny Depp, ganha uma grande promoção

A advogada de Johnny Depp, Camille Vasquez, foi promovida em seu escritório de advocacia depois de se tornar uma sensação da noite para o dia durante o julgamento por difamação de Depp contra a atriz Amber Heard, sua ex-esposa.

O caso, que foi concluído na semana passada em grande parte a favor de Johnny Depp, centrou-se em processos de difamação mútuos envolvendo o astro de Piratas do Caribe a estrela de Aquaman. O júri decidiu a favor de Depp em todas as três acusações contra Heard, acusando-a de difamá-lo por dizer que ele era um agressor. Esse mesmo júri decidiu a favor de Amber em uma de suas três alegações.

Depp deveria receber inicialmente US$ 15 milhões, mas os danos foram limitados a US$ 10,4 milhões devido a restrições na Virgínia. Heard, por sua vez, deve receber US$ 2 milhões. A única vitória de Heard foi relacionada ao advogado de Depp, Adam Waldman, alegando na imprensa que ela encenou uma farsa, que o júri acabou por considerar difamatória.

Durante o julgamento, a advogada de Depp, Camille Vasquez, tornou-se adorada pelos fãs de Depp, a ponto de algumas pessoas começarem a especular se ela e Johnny estavam namorando. Uma cantora canadense foi além e tatuou a imagem de Camille na perna.

Camille Vasquez agora é sócia

E não foram apenas os viciados em cultura pop que passaram a admirar Camille, já que ela conseguiu uma grande promoção. A Brown Rudni, escritório de advocacia onde ela trabalha, publicou nesta terça-feira (7):

“Temos o prazer de anunciar que Camille Vasquez foi elevada a sócia. Ela foi um membro-chave da equipe de litígios que ganhou um veredito do júri na semana passada para o ator #JohnnyDepp em seu julgamento por difamação contra a ex-mulher Amber Heard.”

De acordo com o comunicado no site do escritório de advocacia, eles normalmente fazem anúncios dessa natureza no final do ano fiscal. Mas devido à “performance de Camille durante o julgamento de Johnny Depp”, eles tomaram isso como prova para o mundo de que ela estava pronta para dar o próximo passo.

Camille Vasquez disse que estava orgulhosa da oportunidade de ingressar na parceria.

“Estou muito feliz que a Brown Rudnick me deu seu voto de confiança ao me juntar à sociedade. Estou orgulhosa da equipe excepcionalmente talentosa que tive o privilégio de liderar, que exemplificou o trabalho em equipe e a colaboração, e espero continuar representando a cultura de excelência da Brown Rudnick.”

Momentos de destaque no julgamento

A advogada foi implacável nos momentos em que interrogou Amber Heard, deixando-a muitas vezes sem saída, como quando mostrou fotos públicas tiradas nos dias seguintes às supostas agressões de Johnny Depp sem marcas no corpo.

Em outra ocasião, fez a atriz admitir que não falou a verdade em um tribunal do Reino Unido enquanto estava sob juramento e afirmou que havia doado metade dos US$ 7 milhões de seu divórcio para instituições de caridade.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 07/06/2022


4 comentários

Pular para o formulário de comentário

    • Maria da gloria em 09/06/2022 às 19:58
    • Responder

    Ela poderia simplesmente ter saído com suas malas.Qdo casou com Depp ele era um ator consagrado.Foi vantajoso pra ela contratos para Aqua Man,status.Mas ao sair ela queria destruir uma carreira que não ajudou a construir.Mas a justiça foi feita.Torci por Johnny como todos os fãs agora um conselho saiba escolher,no futuro a companheira pra compa dertilhar a vida.O que não falta no mundo são mulheres egoístas e que não se importam em ferir,nemo companheiro nem a família um egoísmo marrento.

  1. Acho que Johnny conseguiu provar que fazer escolhas ruins na vida não significa que ele tenha que pagar pra sempre. Não é justo. Além do mais, Amber Heard deixou evidente que era tão vítima quanto agressora. E ela acabou prejudicando a causa da violência doméstica (das mulheres vítimas de abuso) ao querer se colocar nesse papel. Um papel que, todos puderam ver durante o julgamento, não era o caso dela. Foi uma atitude oportunista.

  2. Quantas histórias já vi de mulheres que aproveitam a oportunidade de o homem ser famoso e rico pra usar de sua fragilidade pra dizer que está sendo agredida. Mas o Johnny Depp também não consegue viver só com uma mulher. É o preço que se paga pulando de galho em galho. Antes sozinho do que mal acompanhado. Mas fica aí um aviso para as mulheres que fazem o que Amber faz: PAAAARA QUE TA FEEEEIO 😉

  3. Meus parabéns a senhora Velasquez por ter sido promovida.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.