Johnny Depp vence o julgamento contra Amber Heard; veja os detalhes


Johnny-Depp-e-Amber-Heard Johnny Depp vence o julgamento contra Amber Heard; veja os detalhes

O veredito do julgamento do processo entre Johnny Depp e Amber Heard finalmente foi anunciado. O júri do tribunal de Fairfax, na Virgínia, Estados Unidos, decidiu de forma unânime nesta quarta-feira (01/06), depois de 13 horas de deliberações, que Johnny Depp conseguiu provar que Amber Heard fabricou evidências de que foi abusada e que ela é culpada no processo de difamação. Os jurados também determinaram que Amber Heard deverá pagar 15 milhões de dólares a Johnny Depp, que por sua vez deve pagar a Amber 2 milhões de dólares por danos compensatórios.

A leitura da decisão estava marcada para 16:00 (horário de Brasília), quando mais de 3 milhões de pessoas acompanhavam ao vivo a transmissão pelo canal Law & Crime Network no YouTube, mas atrasou alguns minutos depois que a juíza chamou os advogados e comunicou uma pausa porque os jurados não haviam preenchido uma parte do formulário.

Equipe-de-Johnny-Depp Johnny Depp vence o julgamento contra Amber Heard; veja os detalhes
A advogada Camille Vasquez emocionada após a decisão

A estrela de Piratas do Caribe, Johnny Depp, não estava presente. Um representante de Depp disse que o intérprete de Jack Sparrow acompanhou o resultado do Reino Unido, onde apareceu recentemente tocando e cantando ao vivo em um show de Jeff Beck.

Veredito-Johnny-Depp-e-Amber-Heard Johnny Depp vence o julgamento contra Amber Heard; veja os detalhes

Sobre isso, um porta-voz de Amber Heard disse momentos antes da divulgação do resultado: “Sua presença mostra onde estão suas prioridades. Johnny Depp toca guitarra no Reino Unido enquanto Amber Heard espera por um veredito na Virgínia. Depp está levando sua risadinha e falta de seriedade em turnê.”

A juíza Penney Azcarate havia afirmado anteriormente que nem Depp nem Heard eram obrigados a comparecer pessoalmente para a leitura do veredito. As deliberações do júri começaram na sexta-feira (27/05), depois que ambos os lados do julgamento apresentaram suas alegações finais.

Johnny Depp processou por difamação sua ex-esposa, Amber Heard, exigindo 50 milhões de dólares diante das acusações de violência doméstica que ela fez contra ele, as quais o ator e sua equipe de defesa tentaram provar ao longo de seis semanas que eram falsas.

Amber Heard, por sua vez, o processou de volta, também por difamação, em US$ 100 milhões, diante da declaração de um ex-advogado de Depp que as alegações de Amber era uma farsa.

O processo girou em torno de um artigo que Amber Heard escreveu em 2018 para o The Washington Post, no qual ela se descreve como uma “figura pública que representa o abuso doméstico”. Johnny Depp não foi citado no artigo, mas afirmou que o texto claramente fez referência à alegação de violência doméstica passada que ela fez por meio de uma ordem de restrição contra ele.

Enquanto Amber alegou que foi abusada por Depp, o ator afirmou exatamente o contrário: que ele foi abusado por ela. Um dos advogados de Johnny, Benjamin Chew, falou em sua declaração final: “Antes de Amber Heard, nenhuma mulher jamais alegou que o Sr. Depp levantou a mão para ela em seus 58 anos. O Sr. Depp foi cancelado porque a Srta. Heard o acusou falsamente de violência doméstica”.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 01/06/2022


Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.