Disney+ remove mais um documentário da ativista Greta Thunberg

Meu-Nome-e-Greta Disney+ remove mais um documentário da ativista Greta Thunberg

No mês passado, o Disney+ removeu o documentário da National Geographic Greta Thunberg: O Futuro é Hoje (2020). Agora, pouco mais de um mês depois, foi a vez de Meu Nome é Greta, também lançado originalmente em 2020. O título removido nesta terça-feira (14) estava disponível desde agosto de 2021, ou seja, ficou mais de 2 anos no catálogo da plataforma.

Em Meu Nome é Greta, a história da adolescente ativista climática Greta Thunberg é contada por meio de cenas nunca antes vistas em um documentário íntimo do diretor sueco Nathan Grossman. Começando com a greve escolar em prol do meio ambiente, em que ela ficava sentada na frente do parlamento sueco, Grossman segue Greta – uma estudante tímida com Asperger – em sua ascensão ao reconhecimento, mostrando seu impacto global e a forma como impulsionou greves em escolas de todo o mundo. O filme culmina com a extraordinária viagem dela movida pelo vento através do Oceano Atlântico para falar na Cúpula do Clima da ONU, em Nova York.

Quem é Greta Thunberg?

Meu-nome-e-Greta-Disney-Plus Disney+ remove mais um documentário da ativista Greta Thunberg

Greta Thunberg é uma ativista ambiental sueca nascida em Estocolmo em 3 de janeiro de 2003. Ela ficou conhecida mundialmente por seus protestos contra as mudanças climáticas, que começaram em agosto de 2018. Greta começou a se interessar pelo clima aos 8 anos de idade, quando assistiu a um documentário sobre o assunto. Aos 11 anos, ela foi diagnosticada com síndrome de Asperger, um transtorno do espectro autista que se caracteriza por dificuldades de interação social e comunicação.

Em agosto de 2018, ela começou a protestar em frente ao parlamento sueco, exigindo que o governo tomasse medidas mais urgentes para combater as mudanças climáticas. Ela se sentava sozinha em frente ao edifício com um cartaz que dizia “Skolstrejk för klimatet” (“greve escolar pelo clima”).

Seus protestos rapidamente ganharam repercussão internacional, e logo outros estudantes começaram a aderir à greve. O movimento se espalhou para todo o mundo, e hoje é conhecido como “Fridays for Future” ou “Juventude Pelo Clima”.

Greta Thunberg se tornou uma das principais vozes da luta contra as mudanças climáticas. Ela já discursou na Assembleia Geral das Nações Unidas, no Parlamento Europeu e em outros importantes eventos internacionais. Sua coragem e determinação inspiraram milhões de pessoas ao redor do mundo e ela hoje é considerada uma das principais líderes da geração que luta pela preservação do planeta.

Aqui estão alguns dos principais feitos de Greta Thunberg:

  • Em 2019, foi nomeada uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time.
  • No mesmo ano, foi aclamada como Pessoa do Ano pela revista Time.
  • Em 2020, foi indicada ao Prêmio Nobel da Paz.
  • Em 2021, foi nomeada uma das 100 mulheres mais poderosas do mundo pela revista Forbes.

Até o momento desta publicação, Meu Nome é Greta não está disponível em nenhuma outra plataforma de streaming.

Foto do autor

Luiz Junqueira

Luiz Junqueira é engenheiro da computação e escreve sobre entretenimento há mais de 12 anos, com um olhar analítico sobre filmes, séries e quadrinhos. Combina sua formação técnica com uma grande paixão pelo universo da cultura pop, se dedicando a trazer para os leitores artigos informativos e precisos.

Deixe um comentário