Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina


ComboPlus-e-StarPlus-1024x576 Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

A Disney demorou, mas finalmente divulgou os preços do seu novo serviço de streaming, o Star+. A nova plataforma oferecerá filmes, séries e animações com classificação indicativa superior, isto é, conteúdos voltados para o público adulto, além de muita programação esportiva ao vivo e sob demanda da ESPN, incluindo os principais campeonatos de futebol do mundo. E além do valor da assinatura do Star+, agora também sabemos quanto irá custar o COMBO+, pacote promocional que inclui também o Disney+.

No Brasil, os futuros usuários do Star+ pagarão R$ 32,90 pela assinatura mensal ou R$ 329,90 por um ano de acesso, ganhando assim um desconto de dois meses no valor final. Já a opção do COMBO+ sairá por R$ 45,90 ao mês, e ainda não há notícias de uma eventual opção anual.

O preço do COMBO+ é bem parecido com o que havia sido anunciado em dezembro de 2020, durante o Disney Investor Day. No evento, foi dito que o pacote promocional contendo Disney+ e Star+ custaria aproximadamente “9 dólares ou o equivalente local“, o que dá algo em torno de R$ 47 na cotação atual. Na mesma ocasião, foi informado que a assinatura individual do Star+ chegaria por cerca de “7,50 dólares ou equivalente local“, cuja conversão é igual a R$ 39,37 no momento em que essa matéria é escrita. Logo, o Star+ chegou para os brasileiros por um preço cerca de 20% menor do que o anunciado.

No entanto, isso não impediu que uma enxurrada de reclamações tomasse conta das redes sociais nesta sexta-feira (13), com muitos interessados considerando os valores elevados, especialmente quando comparados aos concorrentes Amazon Prime Video e HBO Max.

E se você achou que os brasileiros foram injustiçados ou apenas gostaria de conhecer os preços estabelecidos para o Star+ e para o COMBO+ nos outros países da América Latina, confira os números a seguir, alguns deles são bem curiosos.

Para fins de comparação, os valores foram convertidos diretamente para o Real na cotação vigente de cada moeda. Portanto, todos os preços, exceto os do Brasil, são aproximados e servem apenas como referência.

Preço da assinatura mensal do Disney+ na América Latina

Começando pelo Disney+, podemos visualizar no gráfico a seguir que os brasileiros pagam o segundo menor valor entre os países da região. Mais barato do que aqui, apenas na Argentina, cujo preço da assinatura mensal é de 385 Pesos Argentinos, ou R$ 20,82 na cotação atual. O Chile aparece como o país mais caro, cobrando o equivalente a R$ 43,97 por um mês de acesso.

Preco-do-DisneyPlus-na-America-Latina Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Preço da assinatura mensal do Star+

Já no caso do Star+, o país com o menor preço da assinatura é justamente o Brasil, e com uma diferença grande para o segundo país com preço mais barato, a Colômbia. Em seguida vêm Argentine e Peru. O maior valor é encontrado no Uruguai. Por lá os futuros assinantes precisarão desembolsar US$ 12,99 ao mês pela assinatura individual do Star+, ou R$ 69,18 na cotação atual. No Uruguai e em alguns outros países latino-americanos, a Disney adota o dólar como referência.

Preco-do-StarPlus-na-America-Latina-2 Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Valor do COMBO+ por país

Na opção do COMBO+, o Brasil também é o que apresenta o menor valor, com o Uruguai tendo exatamente o dobro do preço daqui. Assim como no caso do Star+, o Paraguai aparece como o país com a segunda assinatura mais cara da América Latina.

Preco-do-ComboPlus-na-America-Latina-2 Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Upgrade Disney+ para COMBO+

O gráfico a seguir mostra quanto o assinante do Disney+ de cada país deverá desembolsar mensalmente para fazer o upgrade para o COMBO+. Depois do Brasil, Colômbia e México apresentam os menores valores.

Custo-do-Upgrade-do-DisneyPlus-para-ComboPlus Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Upgrade Star+ para COMBO+

Entre os futuros assinantes do Star+, os uruguaios são aqueles que pagarão o maior valor, caso queiram fazer o upgrade para o COMBO+. O menor preço será na Argentina, onde os hermanos poderão aderir ao pacote promocional com o acréscimo de apenas R$ 6,22 no valor que estarão pagando pelo Star+. Em seguida vêm Peru, Colômbia e Brasil.

Custo-do-Upgrade-do-StarPlus-para-ComboPlus Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Economia com o COMBO+

O último gráfico traz o percentual de economia em relação aos dois serviços de streaming, isto é, quanto de desconto o assinante terá com o COMBO+ em relação à soma das assinaturas individuais do Disney+ e Star+. México, Colômbia, Chile e Peru são os que apresentam a maior economia na opção pelo pacote.

Economia-com-o-COMBOPlus Achou o Star+ e Combo+ caros? Veja os preços nos outros países da América Latina

Saiba mais sobre o Star+

STAR Plus: Tudo que você precisa saber sobre o novo Streaming da Disney
Atualização contratual do Disney+ traz novidades sobre o STAR+, como pay-per-view
Disney e Starz fazem acordo milionário e STAR+ recebe sinal verde para lançamento

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos do streaming da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 14/08/2021


4 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Está muito caro. Deveriam fazer igual nos EUA, eu não tenho nenhum interesse em ESPN+ e nem Disney +, apenas o STAR+. Se pudesse assinaria apenas o STAR+ com um preço menor. Mas o jeito é ficar apenas com HBO Max e Prime Video.

  2. E agora no site oficial não estão mais listando TVs Samsung como local para assistir ao Star Plus; até poucos dias atrás ainda listavam.

    No Disney Plus dá pra ver por TVs Samsung, no Star Plus, não. Ora, por que eu assinaria o Combo? Não sou de geração que vou ver conteúdo por uma telinha de celular/tablet/notebook.

    Simplesmente ignoram a maior produtora de TVs smart do mundo.

    Estão sabendo de mais detalhes sobre isso?

    1. Você pode espelhar o seu celular ou tablet com a TV. Se não souber com9, peça ajuda a algum jovem.

  3. E pra quem foi parceiro e assinou o anual do Disney+, por enquanto resta chorar né…. absurdo isso, decepção total com a Disney!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.