Veja os novos detalhes da assinatura mais barata do Disney+ com anúncios


Disney-Plus-Logo-com-Franquias-1024x576 Veja os novos detalhes da assinatura mais barata do Disney+ com anúncios

No início de março, a Disney anunciou o lançamento de uma opção de assinatura mais barata e com anúncios do seu principal serviço de streaming, o Disney+. A iniciativa, que visa atrair novos assinantes, está prevista para começar pelos Estados unidos no final deste ano, expandindo para outras regiões em 2023. E agora surgiram mais alguns detalhes, como tipos de comerciais proibidos e frequência das propagandas.

Segundo apurou a Variety, a Disney pretende implantar o modelo com bastante cautela, evitando excesso de anúncios e publicidade de produtos e/ou serviços que possam descaracterizar a visão familiar que os usuários têm do serviço de streaming.

De acordo com as fontes do portal, a Disney já sinalizou para as agências de publicidade, responsáveis pelo intermédio entre os anunciantes e o serviço, que não vai aceitar propagandas de álcool e política no streaming. Outros tipos de anúncios proibidos são de lojas ou estúdios de entretenimento concorrentes.

Além disso, a Disney quer garantir que comerciais serão exibidos de acordo com a faixa etária do usuário, especialmente com crianças em idade pré-escolar, não exibindo anúncios quando o perfil identificado for de uma criança.

Frequência dos anúncios

Em média, segundo a Variety, serão exibidos 4 minutos (ou menos) de comerciais no Disney+ a cada hora. Em comparação, o número é semelhante ao HBO Max e bem inferior ao Hulu, serviço de streaming da Disney voltado para adultos nos Estados Unidos, que exibe entre 9 e 12 anúncios a cada hora.

Atualmente, a assinatura do Disney+ nos Estados Unidos custa US$ 8 por mês ou US$ 80 ao ano, o que dá em torno de R$ 40 e R$ 400, respectivamente, na cotação atual da moeda norte-americana. No Brasil, o Disney+ custa R$ 27,90 na opção da assinatura mensal e R$ 279,90 no plano anual, o que corresponde a R$ 23,32 por mês.

A The Walt Disney Company tem a meta de chegar a um total entre 230 milhões a 260 milhões de assinantes até o primeiro trimestre fiscal de 2025, que começa no fim de setembro de 2024, e a nova oferta suportada por anúncios certamente ajudará a atingir esse objetivo.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 17/05/2022


1 comentário

  1. Acho que eu prefiro pegar normal ou até usar pirata. Diabo de tanto anúncio.youtube que tem opção de pular depois de 5 segundos já é uma chatisse, imagina dentro de uma hora, TD hora um anúncio.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.