The Kollective: a série inspirada no grupo investigativo Bellingcat

The-Kollective The Kollective: a série inspirada no grupo investigativo Bellingcat

No cenário atual, onde a busca pela verdade se torna cada vez mais um desafio frente às ondas de notícias falsas e desinformação, surge uma nova série que promete capturar a essência dessa luta: The Kollective. Inspirada no trabalho do grupo de jornalismo investigativo Bellingcat, a série europeia de suspense começou recentemente suas filmagens, trazendo a história de jovens jornalistas e cidadãos que se veem envolvidos em uma complexa trama de mentiras governamentais e corrupção.

The Kollective é um reflexo do audacioso trabalho do Bellingcat, um coletivo baseado na Holanda que se especializou em jornalismo investigativo usando a Inteligência de Código Aberto (OSINT).

Com um foco em desvendar os segredos de zonas de guerra, violações de direitos humanos e o submundo do crime, Bellingcat representa a vanguarda do jornalismo moderno, utilizando recursos disponíveis publicamente, como imagens de satélite e postagens em redes sociais, para trazer à luz verdades ocultas.

The Kollective segue um grupo de corajosos jovens que, após uma tragédia repentina, embarcam em uma investigação internacional perigosa, expondo as atividades nefastas de governos desonestos enquanto descobrem o preço humano de manter a verdade viva.

O elenco inclui Natascha McElhone, Celine Buckens, Felix Mayr, Gregg Sulkin, Grégory Montel, Karel Roden, Cassiopée Mayance, Martha Canga Antonio e Ralph Amoussou.

Produção internacional

Produzida pela Submarine e criada por Leonardo Fasoli, Maddalena Ravagli e Femke Wolting da Submarine, The Kollective é composta por seis episódios de uma hora. A série recebeu encomenda da The European Alliance, uma colaboração entre France Télévisions, Rai Fiction (Itália) e ZDF (Alemanha), com distribuição mundial pela A+E Media Group.

Dirigida por Assaf Bernstein e Randa Chahoud, que também são produtores executivos ao lado de Wolting da Submarine, a série tem na equipe criativa os produtores Ed Hemming e Bruno Felix, e o diretor de fotografia principal Robrecht Heyvaert.

Femke Wolting, produtora executiva de The Kollective e CEO da Submarine, expressou em declaração ao Deadline:

“Fizemos esta série para destacar a coragem dos indivíduos que farão tudo ao seu alcance para proteger uns aos outros e a sociedade ao seu redor, mesmo em um momento de turbulência política. Com uma equipe criativa fantástica e um elenco à altura, esta série é tão emocionante quanto entretenimento e impulsiona conversas importantes.”

Leonardo Fasoli, criador e roteirista, adicionou: “Adoramos investigar o que está acontecendo no mundo ao nosso redor e abordar questões difíceis por meio do nosso trabalho. Sentimos que a batalha pela verdade contra as notícias falsas é a batalha do nosso tempo, é uma luta para a geração do milênio.”

Nos Estados Unidos, a Disney garantiu os direitos de distribuição, onde a série será lançada no Hulu e Hulu On Disney+. Ainda não há informações sobre um possível lançamento no Brasil.

Foto do autor

Leo Carvalho

Leo Carvalho, jornalista de formação e nerd de coração, é um observador atento das tendências do entretenimento, em especial filmes e séries da Marvel e Star Wars. Sua formação acadêmica em jornalismo e entusiasmo de fã lhe permitem escrever textos com insights, análises detalhadas e olhar crítico.

Deixe um comentário