Primeiro quadrinho da Marvel é vendido por R$ 13 milhões, mas não quebra recorde

Primeiro-Quadrinho-da-Marvel Primeiro quadrinho da Marvel é vendido por R$ 13 milhões, mas não quebra recorde

Itens considerados antigos têm seu valor para colecionadores. Muitas vezes, eles estão dispostos a gastar uma quantia inimaginável de dinheiro para obter esses itens. Um exemplo é uma rara revista em quadrinhos de super-herói, como esta cópia do primeiro gibi da Marvel.

O primeiro quadrinho da Marvel, Marvel Comics #1, foi vendido por mais de 2,4 milhões de dólares em um leilão online, algo em torno de 13 de reais milhões na cotação atual. A cópia foi descrita como uma “cópia de pagamento”, e incluía uma nota manuscrita do editor detalhando o pagamento pelo trabalho dos roteiristas e artistas envolvidos.

Esta cópia com mais de 80 anos estava em excelente condições, e isso se deve ao fato de que ela foi bem armazenada em um gabinete de Lloyd Jacquet, proprietário da Funnies Inc., que vende quadrinhos e obras de arte para editoras.

Na capa e em várias páginas, Jacquet escreveu quanto devia aos artistas, incluindo Frank R. Paul, que foi pago 25 dólares para ilustrar a capa. Se esta cópia tivesse sido vendida em 1939, provavelmente teria rendido apenas 0,10 centavos de dólar.

Além dos registros de pagamento, para os colecionadores, quadrinhos contendo a primeira aparição de super-heróis são muito valiosos. Devido à sua exclusividade, o valor desses objetos só aumenta.

Conteúdo de Marvel Comics #1

Marvel Comics #1 desempenhou um papel importante no desenvolvimento de muitos dos personagens que conhecemos hoje. Os primeiros podem não ser tão conhecidos quanto Thor ou Capitão América, mas sem eles, provavelmente não haveria um Universo Marvel.

Publicado em 1939, este quadrinho de 68 páginas contou brevemente a história de Namor, o Príncipe Submarino, um mutante que vivia no mar, e do Tocha Humana original, cujo corpo podia se incendiar (que mais tarde foi reintroduzido como parte do Quarteto Fantástico em 1961).

Ainda não quebrou o recorde

Marvel-Amazing-Fantasy-15 Primeiro quadrinho da Marvel é vendido por R$ 13 milhões, mas não quebra recorde

Se você pensa que Marvel Comics #1 é o mais caro da história, está enganado. Ainda existem outros quadrinhos com preços igualmente surpreendentes.

No ano passado, uma cópia de Amazing Fantasy No. 15, publicada em 1962, contendo a primeira aparição do Homem-Aranha, foi vendida por 3,6 milhões de dólares (19,6 milhões de reais). Em janeiro, uma cópia de Action Comics No. 1, de 1938, apresentando a estreia do Superman, também foi vendida por 3,18 milhões de dólares (17,3 milhões de reais).

Foto do autor

Leo Carvalho

Leo Carvalho, jornalista de formação e nerd de coração, sempre atento às tendências do entretenimento, em especial filmes e séries da Marvel e Star Wars. Sua formação acadêmica em jornalismo e entusiasmo de fã lhe permitem escrever textos com insights, análises detalhadas e olhar crítico.

Deixe um comentário