Monica Lewinsky dá sua opinião sobre o caso Johnny Depp x Amber Heard


Monica-Lewinsky-Johnny-Depp-e-Amber-Heard Monica Lewinsky dá sua opinião sobre o caso Johnny Depp x Amber Heard

Monica Lewinsky, que ficou mundialmente conhecida depois que o então presidente Bill Clinton admitiu ter um caso com ela enquanto era estagiária da Casa Branca, compartilhou seu entendimento sobre o julgamento de difamação entre Johnny Depp e sua ex-esposa, Amber Heard.

A atual empresária no ramo de bolsas de grife publicou um artigo na Vanity Fair sobre o julgamento com o título: “Somos todos culpados”. Monica, que também virou apresentadora de TV e ativista, disse que entende o “fascínio pela culpa” que as pessoas sentem por assistir ao vivo os testemunhos no tribunal.

O problema, de acordo com ela, é que as redes sociais mudaram a maneira como vemos o desenrolar do processo. Em vez do julgamento como um todo, estamos recebendo cenas instantâneas com conteúdo repugnante.

“Nós nos tornamos tão sintonizados com esse ciclo estreito e cínico de encontros nas redes sociais que consideramos o julgamento não trágico ou patético, mas como um puro acidente de carro: acessível, espalhafatoso e imediatamente gratificante. Dispensamos o pensamento crítico e substituímos pela emoção barata.”

“Tal consumo disperso não permitiu uma compreensão real. Em vez disso, experimentamos apenas apreensão, indignação instintiva e excitação. É como ir à ópera e ler algumas legendas traduzidas, mas não entender italiano. E apesar de tudo isso, é uma novela.”

Ela observou que isso significa que estamos assistindo ao julgamento através de imagens distorcidas, e que sentimos que temos o direito de nos inserir no processo, que em sua essência é uma disputa entre um ex-casal.

“Essa imagem desfocada de figuras públicas e vidas privadas pode nos afetar – como espectadores, como público. Acabamos divididos entre nossas relações parassociais com celebridades (nos identificamos com elas; fingimos que, caramba, realmente as conhecemos) e nossa necessidade de ver personalidades públicas rebaixadas um pouco – e rebaixadas publicamente – para fazer com que nossos eus feridos se sintam melhor em comparação.”

Monica Lewinsky também afirmou que todo essa situação está nos desumanizando:

“No final, as maneiras como desdenhosamente cooptamos o julgamento para nossos próprios propósitos são um sinal de quantos de nós, os mestiços das mídias sociais, continuamos a desvalorizar nossa dignidade e humanidade. (Perdoe-me se eu subir no meu cavalo alto por um ou dois parágrafos. Tendo sido alvo desse tipo de crueldade, posso dizer que as cicatrizes nunca desaparecem). Certamente não estou aqui para lhe dizer para não ver o veredicto ou não ter uma opinião. Mas o que é demais?”

O veredicto do julgamento é esperado para esta quarta-feira ou nos próximos dias, já que o júri está atualmente deliberando.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Atualizado em 01/06/2022


1 comentário

    • Agnaldo de Souza em 02/06/2022 às 23:26
    • Responder

    Essa mônica uma bandida, que ficou com o presidente do para ter fama e dinheiro. A pilantrinha conseguiu, hoje é ” impresaria, apresentadora de televisão”” sem moral pra comentar casos de família.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.