Jonathan Majors: Julgamento começa com versões bem diferentes dos fatos

Jonathan-Majors Jonathan Majors: Julgamento começa com versões bem diferentes dos fatos

O julgamento por agressão do ator Jonathan Majors, conhecido por seu trabalho em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania e Loki, está em andamento. As declarações iniciais da defesa e da acusação foram apresentadas na segunda-feira, cada uma relatando versões distintas dos eventos em questão.

Majors foi preso em Nova York em 25 de março após a polícia responder a uma chamada de emergência 911. Uma mulher de 30 anos, identificada posteriormente como sua então namorada, Grace Jabbari, alegou que havia sido agredida por Majors, com a polícia notando que ela sofreu ferimentos leves. Majors depois apresentou uma contradenúncia contra Jabbari, alegando que ela o atacou.

Alegações da acusação

De acordo com a acusação, “Majors usou crueldade e manipulação para controlar Grace Jabbari”. Quando ela descobriu que o ator a estava traindo, o abuso psicológico teria se tornado físico. O promotor Michael Perez afirmou que Majors causou hematomas e dor substancial em Jabbari ao tentar recuperar seu telefone das mãos dela, após ela ter visto uma mensagem de texto suspeita.

Perez também relatou que, após a confrontação se mover para uma rua em Chinatown, Majors “empurrou violentamente Jabbari de volta para dentro de seu carro com motorista, jogando-a como uma bola de futebol de volta“.

Versão da defesa

Jonathan-Majors-Kang Jonathan Majors: Julgamento começa com versões bem diferentes dos fatos

Por outro lado, a advogada de defesa de Majors, Priya Chaudhry, alega que foi Jabbari quem agrediu Majors. Ela teria arrancado botões de seu casaco e rasgado o bolso com as próprias mãos. A defesa concluiu sua declaração enfatizando o trabalho árduo de Majors ao longo da vida e sugerindo que as acusações são uma vingança de Jabbari após o término do relacionamento.

O Sr. Majors, depois de uma vida inteira de trabalho duro, viu sua carreira parecer imparável até […] ele terminar seu relacionamento com Jabbari e ela fazer essas falsas alegações. Este é um homem que passou 30 anos trabalhando duro para chegar onde estava em 25 de março. Um homem com o mundo a seus pés. Este é um caso sobre o fim de um relacionamento, não sobre um crime… pelo menos não um que o Sr. Majors cometeu. Em vingança, ela fez essas falsas alegações para arruinar o Sr. Majors e tirar tudo pelo que ele trabalhou a vida inteira.

Testemunho de Grace Jabbari

Grace Jabbari, ex-namorada de Majors, prestou depoimento na terça-feira, afirmando que Majors a agrediu durante um confronto em março. Ela descreveu momentos de volatilidade e controle por parte de Majors e mencionou que ele se referia a si mesmo como um “grande homem”, ameaçando suicídio após brigas.

Impacto na vida profissional de Jonathan Majors

Majors já foi afastado de vários projetos importantes, além de sua empresa de gerenciamento, Entertainment 360, e equipe de relações públicas, The Lede Company. A Marvel ainda não tomou nenhuma medida ou comentou sobre a situação, mas isso pode mudar dependendo do resultado deste julgamento.

Há rumores de que Kevin Feige, presidente do estúdio, possa estar procurando substitutos para o papel de Kang, mas Majors teve destaque na segunda temporada de Loki e foi posicionado como o principal vilão do próximo filme dos Vingadores, A Dinastia Kang. Novamente, isso pode mudar muito rapidamente.

Atualizado em 05/12/2023

Foto do autor

Leo Carvalho

Leo Carvalho, jornalista de formação e nerd de coração, é um observador atento das tendências do entretenimento, em especial filmes e séries da Marvel e Star Wars. Sua formação acadêmica em jornalismo e entusiasmo de fã lhe permitem escrever textos com insights, análises detalhadas e olhar crítico.

Deixe um comentário