Grimcutty | Star+ lança ‘O Meme do Mal’, mais um terror no mês do Halloween

Lancamentos-do-dia-Star-Plus-10-10-2022 Grimcutty | Star+ lança 'O Meme do Mal', mais um terror no mês do Halloween

A semana começa com uma ótima novidade para os fãs de terror que assinam o Star+. Em estreia simultânea com o Hulu nos Estados Unidos, chegou hoje ao streaming o novo O Meme do Mal (Grimcutty), estrelado por Sara Wolfkind como a protagonista Asha Chaudry, a próxima vítima da criatura que dá nome ao título original em inglês.

A história gira em torno do monstro Grimcutty, um meme de internet que ganha vida e não apenas persegue suas vítimas, mas faz com que as pessoas se tornem violentas com os outros e consigo mesmas.

Os eventos causados ​​pelo Grimcutty espalham pânico pela cidade, com os pais acreditando que a imagem da criatura alta e encurvada, com um rosto branco deformado, olhos vermelhos e longos cabelos negros é a culpada de algum tipo de desafio da internet.

Desenvolvido e produzido pelo 20th Digital Studio, Grimcutty é escrito e dirigido por John William Ross. Além de Sara Wolfkind, o filme é estrelado por Usman Ally, Shannyn Sossamon, Callan Farris, Alona Tal, Brenda Schmid, Joel Ezra Hebner e Kayden Koshalev.

O Meme do Mal (2022)

O-Meme-do-Mal-Star-Plus Grimcutty | Star+ lança 'O Meme do Mal', mais um terror no mês do Halloween

Uma adolescente e seu irmão mais novo devem parar um meme aterrorizante da internet trazido à vida pela histeria de seus pais.

Siga o Guia Disney+ Brasil nas redes sociais e fique por dentro das dicas, novidades e lançamentos dos streamings da Disney.
• facebook.com/guiadisneyplus
• twitter.com/guiadisneyplus
• instagram.com/guiadisneyplus
• pinterest.com/guiadisneyplus

Foto do autor

Leo Carvalho

Leo Carvalho, jornalista de formação e nerd de coração, é um observador atento das tendências do entretenimento, em especial filmes e séries da Marvel e Star Wars. Sua formação acadêmica em jornalismo e entusiasmo de fã lhe permitem escrever textos com insights, análises detalhadas e olhar crítico.

Deixe um comentário