Como a Disney planeja acabar com as fraudes de ingressos

Walt-Disney-World-Resort Como a Disney planeja acabar com as fraudes de ingressos

A Disney está tentanto garantir a segurança e a autenticidade dos ingressos de seus parques temáticos ao redor do mundo. A empresa recentemente entrou com o pedido de uma patente que promete revolucionar a forma como os tickets são vendidos e validados, usando a tecnologia blockchain para combater fraudes e garantir uma experiência mais segura para seus visitantes.

Combatendo fraudes com tecnologia Blockchain

A aplicação da patente, intitulada Sistemas e Métodos para Produzir um Artigo Físico que Fornece Autorização de Admissão a um Evento que Correlaciona com um Ativo Digital de uma Carteira Temporária, propõe o uso da tecnologia blockchain para criar um registro digital seguro de cada ingresso, desde a venda até o uso e todos os pontos intermediários.

Essa inovação visa impedir a venda de ingressos já utilizados ou com benefícios indevidos, como descontos para militares ou para residentes da Flórida, por exemplo.

“Você ouve histórias de terror sobre pessoas que vêm de fora da cidade e aparecem nos portões com ingressos que foram comprados por um preço bom demais para ser verdade, são barradas e arruínam o início de suas férias,” disse Seth Kubersky, autor do livro Universal Orlando: The Unofficial Guide, à Fox35.

Matt Roseboom, editor da Attractions Magazine, destacou que a segurança no sistema de vendas de ingressos é crucial para a empresa manter o controle sobre os tickets vendidos, quem está usando e evitar o compartilhamento indevido de passes anuais, entre outras questões.

Segurança para os visitantes

A utilização da blockchain não só adiciona transparência ao processo como também pode aumentar a confiabilidade do sistema de ingressos da Disney.

“Atualmente, eles armazenam todas essas informações em seus próprios servidores privados. Ter algo na blockchain descentralizada adiciona à transparência e possivelmente à confiabilidade,” explicou Kubersky.

Essa tecnologia poderia oferecer aos visitantes uma maior confiança na autenticidade de seus ingressos, especialmente se adquiridos de terceiros. Além disso, a aplicação da patente menciona que a tecnologia também poderia ser aplicada a ingressos físicos, além dos digitais, usando códigos embutidos no ticket.

“A maioria dos visitantes hoje em dia nunca precisa ver um ingresso físico porque usaram o aplicativo da Disney ou compraram online,” disse Kubersky, “mas ainda há pessoas que usam ingressos físicos. Isso daria a eles a mesma segurança de autenticidade que você teria com um ingresso apenas online.”

Apesar de ser uma tecnologia inovadora, especialistas indicam que, como na maioria das aplicações de patentes, a Disney provavelmente está a alguns anos de realmente implementar esse mecanismo em suas vendas de ingressos.

Foto do autor

Leo Carvalho

Leo Carvalho, jornalista de formação e nerd de coração, é um observador atento das tendências do entretenimento, em especial filmes e séries da Marvel e Star Wars. Sua formação acadêmica em jornalismo e entusiasmo de fã lhe permitem escrever textos com insights, análises detalhadas e olhar crítico.

Deixe um comentário